Pão philly brasileiro

Cada cidade tem sua própria comida típica, usando ingredientes locais. O pão Philly é muito conhecido na Filadélfia e por lá você encontra várias varições dessa comidinha de rua.

Como não estamos na Filadelfia, resolvi dar uma abrasileirada e vir aqui mostrar pra vocês que é super possível fazer as comidas que encontramos em viagens ou em filmes usando nossos ingredientes.

Ingredientes:

  • 1/2 xícara de queijo mussarela ralado
  • 1/4 xícara de queijo parmesão ralado
  • 2 colheres de sopa de molho shoyo
  • 500g de carne cortada em cubos
  • 1/2 cebola + 3 dentes de alho

Modo de preparo:

  • Refogue a carne com alho e cebola
  • Adicione o shoyu
  • Quando a carne estiver cozida, acrescente os queijos e espere derreter.

 

DSC09030 DSC09031

DSC09032 DSC09033 DSC09037 DSC09039 DSC09042

DSC09047 DSC09051

Continue Reading

Receita: Cheesecake de churros

Eu não sei ai onde você mora, mas aqui em Brasília está a maior febre tudo que é relacionado à churros. Tudo mesmo hahaha.

Outra coisa que o brasiliense gosta é cheesecake, de lugares bem específicos, porque aqui não temos muita opção de locais pra comer essa delicia.

Então, por que não misturar essas duas maravilhas e criar um Cheesecake de churro?

Ingredientes:

  • 600g de massa folhada (aquelas que vendem no mercado na parte congelada)
  • 400g de cream cheese, amolecido
  • 1 ovo
  • 1 colher se sopa de baunilha
  • 1 xícara de açúcar
  • 2 colheres de sopa de canela

Modo de preparo: 

  • Pré-aqueça o forno a 200 graus e unte uma forma retangular com manteiga.
  • Em uma tigela misture metade do açúcar + canela e reserve.
  • Bata o cream cheese até ficar homogêneo, adicione o ovo, 1/2 xícara de açúcar e baunilha. Bata até ficar homogêneo e cremoso.
  • Polvilhe a metade da mistura de açúcar de canela no fundo da forma untada.
  • Coloque a massa folhada na forma, já untada, despeje o cream cheese, coloque outra camada de massa folhada.
  • Polvilhe o restante da mistura de açúcar e canela por cima.
  • Asse por 30 min ou até a massa ficar cozida.
  • Espere esfriar e sirva.

cheesecakedechurros

Fonte: joyfulmommaskitchen
Continue Reading

O melhor jeito de fritar batatas

Eu amo batata frita, principalmente se for bem temperada e crocante. E é incrível como as melhores são sempre as mais gordurosas haha mas eu realmente tirei a fritura da minha vida (como às vezes, mas sinto que sempre que consumo passo mal) resolvi mostrar pra vocês uma receita infalível de batata frita assada.

Em uma palestra que fui da Bela Gil ela fez essa mesma receita substituindo a batata por batata doce. Fica incrível!

  • 4 batatas médias
  • Sal a gosto
  • 1 colher de sopa de amido de milho
  • 1 clara de ovo
  • 1 dente de alho picado
  • 1 ramo de tomilho *a gosto, ok? eu gosto bastante*
  • 1 colher de chá de páprica picante
  • 3 colheres de azeite de oliva

Modo de preparo:

Pré-aqueça o forno a 180 graus. Em uma assadeira grande coloque papel manteiga (se não tiver pode ser alumínio mesmo) e unte levemente com um pouco do óleo de oliva.
Lave as batatas para remover qualquer sujeira. Corte as batatas pela metade e depois longitudinalmente  e coloque em uma panela média de água fria, adicione o sal e leve para ferver. Cozinhe por 6-8 minutos para escaldar as batatas.
Escorra as batatas e deixe na peneira por 5 minutos para que eles possam secar. Depois de secas passe-as no amido de milho (como se fosse empanar).
Coloque o ovo branco em uma tigela grande e rasa ou prato. Usando um batedor de arame (ou um garfo), bata a clara de ovo com 1 colher de sopa de água, até que se torne um pouco espumoso.

Junte o alho picado e a páprica. Adicione as fatias de batata revestidas de amido de milho e misture com as mãos para grudar tudo.

Espalhe as batatas no tabuleiro, regue com azeite e salpique tomilho, sal e pimenta por cima. Asse por 45 min ou até as batatas ficarem douradas e crocantes.

oven-fries-30 oven-fries-31

Fonte: TOP WITH CINNAMON

Continue Reading

Salada de pêssego com balsâmico

Mesmo eu não sendo super fã de salada, sei que é uma comida super rápida, de alto valor nutricional e que  quase todas pessoas gostam, principalmente quando está aquele calor insuportável.

Essa receita é extremamente fácil e gostosa, além de ser diferente.

Espero que gostem e caso façam em casa, não se esqueça de voltar aqui e me contar o que achou 😉

  • 1 Alface inteira, rasgada em pedaços
  • 2 colheres de sopa de azeite
  • 1/2 cebola roxa, cortada em fatias finas
  • 2 colheres de sopa de vinagre balsâmico
  • 1/2 colher de chá de açúcar
  • 2 pêssegos e fatias
  • sal e pimenta

Modo de preparo:

Coloque o azeite em uma frigideira e deixe esquentar. Acrescente a cebola e deixe-a cozinhar mexendo ocasionalmente, até que fique crocante. Adicione o pêssego, o vinagre e o açúcar e deixe por 1 min.

Tire tudo do fogo e misture com a alface. Tempere com sal e pimenta.

peach-salad peach-salad2

Fonte: The Vanilla Bean Blog
Continue Reading

Risoto à parmigiana – Tio João

Faz tempo que tenho pensado em fazer alguns reviews de comidas que podemos encontrar no mercado. Pensei bastante nessa possibilidade para poder ajudar quem não sabe cozinhar (e nem quer tentar haha) e também facilitar a minha vida quando estiver com preguiça de fazer comida em casa.

Por conta disso, resolvi que minha primeira resenha deveria ser de uma comida que eu gosto muiiiiito mas que é um pouco difícil de se fazer: RISOTO. Eu nunca postei nenhuma receita aqui no blog então essa receita vai servir como um “como fazer risoto – para iniciantes“, ok?

Estava procurando algum produtos que fosse bom (e barato) para testar. Então achei essa linha da Tio João e pensei: por que não? A marca é conhecida por fazer um bom arroz, então na minha cabeça deveria ser um bom risoto. Paguei 5,90 nesse pacote de 175g no marcado Comper da 305 sul aqui em Brasília.

Normalmente calculamos 80g de arroz cru (para risoto) por pessoa, então achei ok 175g para duas porções. Faz sentido. Um pacote de 500g de arroz carnaroli custa em média 18-22 reais então se fizer uma regrinha de três simples vai ver que 5,90 é um preço bom.

Vamos ao que achei do produto: Quando abri a embalagem veio um cheiro forte de “queijo” algo como um tempero de miojo de queijo, e vi que era como uma farofinha (tem foto ai embaixo) um pó misturado com um monte de arroz. Óbvio que pensei em desistir na hora, minha irmã que falou: PARA DE SER FRESCA! VAMOS FAZER ISSO. E então segui as instruções da embalagem (ok, algumas…)

Refoguei cebola e alho, adicionei o produto e depois coloquei água fervendo em cima. Como eu tinha fritado a carne antes, guardei aquele “suco” que ela perde para colocar no risoto e dar um gostinho de carne. Mexi, mexi, mexi, adicionei mais água, mexi, mexi, mexi, mais água, mexi, mexi, adicionei uma colher de manteiga. O resultado vocês podem conferir na foto.

DSC09098

DSC09099DSC09100 DSC09102 DSC09104

DSC09106 DSC09108

Eu não fiz nenhuma apresentação magnífica para não dizerem que manipulei o resultado haha a única coisa que mudei no que dizia atrás da embalagem é que coloquei

 

 

Continue Reading